Trabalho infantil pode ser responsável por desempenho até 11% inferior na escola

Por: Thaís Iannarelli
28 Agosto 2013 - 13h23

Um estudo encomendado pela Fundação Telefônica Vivo à consultoria Tendências chegou à conclusão de que o trabalho infantil fora de casa pode ser responsável por um desempenho até 11% inferior dos alunos da 4ª série. A pesquisa foi feita com base em dados do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB) de 2003. Ainda de acordo com o estudo, trabalhar 4 horas ou mais em atividades domésticas reduz, em média, o desempenho escolar dos alunos da 4ª série do ensino fundamental em mais de 6%, e para os alunos da 8ª série do ensino fundamental, esse impacto negativo fica em torno de 4%. A pesquisa também concluiu, com base em dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2011, que crianças e adolescentes que trabalham têm 3,1% menos probabilidade de frequentar a escola do que os jovens que não trabalham. O estudo aponta ainda para o "círculo vicioso" do trabalho infantil: "Crianças e adolescentes começam a trabalhar cedo em função das condições socioeconômicas desfavoráveis que enfrentam. A pesquisa reuniu características do trabalho infantil no Brasil, Chile, Paraguai, Uruguai e Argentina.

www.fundacaotelefonica.org.br

EDITAIS FILANTROPIA PLATAFORMA ÊXITOS
19.586
Oportunidades Cadastradas
9.597
Modelos de Documentos
3.490
Concedentes que Repassam Recursos
Prazo
Paranapanema - Doações e Patrocínios
Prazo
Aceleradora P&G Social
Prazo
31 Dez
2020
IberCultura Viva 2020
Prazo
1 Ago
2020
Todos os olhos na Amazônia
Prazo
1 Ago
2020
The IFREE Small Grants Program
Prazo
4 Set
2020
Ideias para o Futuro
Prazo
30 Nov
2020
Stop Slavery Award 2021
Prazo
31 Dez
2020
Patrocínios e Doações - Instituto Usiminas
Prazo
Patrocínio BS2
Prazo
Matchfunding Enfrente o Corona

PARCEIROS VER TODOS