Ministério da Justiça abre edital para projetos com mediadoras sociais

Por: Thaís Iannarelli
04 Agosto 2014 - 15h26

As inscrições para o processo de seleção de propostas para os projeto Mulheres da Paz & Proteção de Jovens em Território Vulnerável (PROTEJO) estão abertas até 28 de agosto.

O prazo para execução do projeto é de até 24 meses contados a partir da data de assinatura do convênio e sua publicação no Diário Oficial da União. Os interessados deverão estar cadastrados noSistema de Gestão de Convênio e Contratos de Repasse (SICONV). Serão aceitas apenas uma proposta para cada pessoa federada ou instituição.

A finalidade dessa iniciativa é de firmar parceria com os municípios, por meio de convênios, para a execução dos projetos que serão financiados com recursos do Programa Segurança Pública com Cidadania.

O projeto Mulheres da Paz capacita mulheres atuantes na comunidade para que se constituam, institucionalmente, como mediadoras sociais. Assim, dá-se o fortalecimento das práticas políticas e socioculturais desenvolvidas por elas a partir do empoderamento feminino. Além disso, constrói-se redes de prevenção da violência doméstica e enfrentamento às violências que compõem a realidade local e que envolvam jovens e mulheres.
Informações no site https://www.convenios.gov.br

http://www.setor3.com.br

PARCEIROS VER TODOS