Brasil Abriga 8.863 Refugiados De 79 Nacionalidades

Por: Instituto Filantropia
15 Setembro 2016 - 03h09

O número de refugiados reconhecidos pelo Brasil entre 2010 e 2016 aumentou 127%, de acordo com o Comitê Nacional para os Refugiados (Conare), do Ministério da Justiça.

O dado consta do relatório divulgado em 10 de maio, que afirma que atualmente o país abriga 8.863 refugiados de 79 nacionalidades, sendo a maior parte sírios, angolanos, colombianos, congolenses, libaneses, iraquianos, liberianos, paquistaneses e de pessoas provenientes de Serra Leoa.

O Conare registrou ainda forte expansão nas solicitações de refúgio.

Nos últimos cinco anos, esses pedidos subiram 2.868%, passando de 966, em 2010, para 28.670, em 2015.

Diante do grande número de refugiados e da tradição brasileira em dar abrigo aos imigrantes, o governo federal adotou várias medidas de apoio.

Entre as ações, constam o programa de visto humanitário para cidadãos haitianos e o programa de vistos especiais aos afetados pelo conflito sírio.

Outras ajudas têm sido oferecidas pelos dois Centros de Referência e Acolhida para Imigrantes (Crais) em atividade em São Paulo.

Outros centros estão previstos para Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Guarulhos.

Essas medidas têm sido acompanhadas da facilitação do acesso à documentação para a retomada de vida regular no Brasil, com auxílio para emissão de carteira de identidade estrangeira para refugiados e asilados, e ajuda para retomada de uma vida produtiva com condições de sustento do indivíduo e da família.

www.itamaraty.gov.br

 

PARCEIROS VER TODOS