Escrituração resumida

Por: Revista Filantropia
01 Setembro 2007 - 00h00

A legislação do Imposto de Renda, assim como a legislação comercial e as Normas Brasileiras de Contabilidade, admite a escrituração resumida do Livro Diário por totais que não excedam ao período de um mês, com relação às contas cujas operações sejam numerosas ou realizadas fora da sede do estabelecimento – desde que utilizados livros auxiliares para registro individualizado e conservados os documentos que permitam sua perfeita verificação. Duas são as hipóteses em que se admite a escrituração resumida de certas contas: contas para registro de opera­ções numerosas; e contas para registro de ope­rações realizadas fora do estabelecimento.

www.receita.fazenda.gov.br

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book Como começar uma⠀ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book 18 PASSOS essenciais para ajudar sua ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

PARCEIROS VER TODOS