Ensino religioso II

Por: Revista Filantropia
01 Setembro 2010 - 00h00
Na ação, a procuradora questiona também o acordo assinado entre o Brasil e o Vaticano sobre o ensino religioso nas escolas, já que o texto diz que “o ensino religioso, católico e de outras confissões religiosas, de matrícula facultativa, constitui disciplina dos horários normais das escolas públicas de ensino fundamental”, sendo sugerida a supressão da redação “católico e de outras confissões religiosas”. www.correioweb.com.br

PARCEIROS VER TODOS