Em busca de uma sociedade sustentável

Por: Thaís Iannarelli
01 Novembro 2004 - 00h00

Idealizado por empresários e executivos do setor privado, o Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social é uma organização não-governamental que nasceu para apoiar as empresas no gerenciamento de seus negócios e na atuação socialmente responsável. O trabalho é feito de forma voluntária, sem nenhum tipo de cobrança.
Hoje, o Instituto Ethos tem renome no Terceiro Setor e conta com 940 associados que empregam aproximadamente 1 milhão de pessoas e correspondem a 30% do PIB brasileiro. Segundo o presidente do instituto, Oded Grajew, “é necessário que a empresa tenha a cultura da responsabilidade social incorporada a seu pensamento. Desenvolver programas sociais apenas para divulgar a empresa, ou como forma compensatória, não traz resultados positivos sustentáveis ao longo do tempo”.
A organização realiza diversos eventos ligados ao Terceiro Setor durante o ano e também faz a entrega de quatro prêmios: Prêmio Ethos - Valor, um concurso para universitários sobre responsabilidade social; Prêmio Ethos de Jornalismo, que homenageia jornalistas que produzam matérias sobre o tema; Prêmio Balanço Social, que analisa e premia os melhores balanços sociais.
Grandes companhias como Banco do Brasil, Bradesco, Carrefour, Pão de Açúcar, McDonalds e Petrobrás são também associadas ao instituto à procura de orientação. Entretanto, empresas de qualquer porte podem se associar e melhorar sua atuação na área social. “Todo tipo de empresa, independentemente do porte, do setor e da quantidade de funcionários, pode desenvolver ações de responsabilidade social, pois o necessário é ter vontade política. Individualmente ou em grupo, qualquer empresa pode agir”, afirma Grajew.

As quatro linhas de atuação da Ethos

• Responsabilidade social empresarial: ampliação do movimento, sensibilização de empresas, formação de parcerias e debates sobre o tema.
• Práticas de responsabilidade social empresarial: Indicadores Ethos de Responsabilidade Social Empresarial, Conferência Nacional Anual, publicação de balanços sociais e manuais.
• Influências: influenciar mercados a fim de criar um ambiente favorável à prática da responsabilidade social, com a participação em conselhos governamentais e com o desenvolvimento de critérios de investimentos socialmente responsáveis com fundos de pensão no Brasil.
• Políticas públicas: desenvolvimento de políticas públicas para promover a responsabilidade social; participação das empresas no controle da sociedade, por meio da transparência governamental e conduta ética, além da cobrança das responsabilidades legais; divulgação do tema e processos de consulta a parceiros.


www.ethos.org.br

PARCEIROS VER TODOS