Disque 100 recebe denúncias de violência contra crianças e adolescentes

Por: Thaís Iannarelli
18 Maio 2016 - 17h45

Embora hoje, dia 18 de maio, seja o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, o Brasil ainda é dono de uma marca vergonhosa – a cada 10 minutos uma criança é vítima de violência no país. Diversas ações têm sido promovidas para acabar com essa triste realidade. Um exemplo é a campanha #NãoToqueEmMim, criada pela banda de rock paulistana SSD, cujo vocalista Renan Ricci foi vítima de violência na infância. Na campanha, os fãs da banda são incentivados a não terem vergonha de denunciar o crime.

No Brasil  o “Disque 100”, criado em 1997 pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, é um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes. Os dados mostram que, de março de 2003 a março de 2011, o Disque recebeu 52 mil denúncias de violência sexual contra este público, sendo que 80% das vítimas são do sexo feminino.

O Disque 100 funciona diariamente de 8 às 22 horas, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100; e do exterior pelo número telefônico pago 55 (61) 3212-8400 ou no e-mail: [email protected] 

Fontes: Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e Observatório do 3º Setor

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book Como começar uma⠀ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book 18 PASSOS essenciais para ajudar sua ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

PARCEIROS VER TODOS