Débitos trabalhistas

Por: Revista Filantropia
01 Maio 2008 - 00h00

Valores devidos ao trabalhador devem ser atualizados pelos índices previstos em lei para débitos trabalhistas até a data do levantamento do crédito, ainda que os depósitos judiciais recebam a correção paga à caderneta de poupança. A decisão é da 10ª Câmara do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, ao dar provimento a agravo de petição interposto por ex-funcionário de uma indústria multinacional. A partir do acórdão, foi determinado o prosseguimento da execução até o integral pagamento das diferenças devidas. O credor argumentou que teria direito à incidência da atualização monetária e juros relativos aos créditos trabalhistas mesmo após a efetivação do depósito judicial, que aconteceu em 31 de outubro de 2001.

www.trt15.jus.br

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book Como começar uma⠀ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book 18 PASSOS essenciais para ajudar sua ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

PARCEIROS VER TODOS