Conferência questiona modelo de desenvolvimento

Por: Revista Filantropia
01 Julho 2007 - 00h00
A declaração final da 3ª Conferência reconheceu os avanços sociais ocorridos no Brasil nos últimos anos, mas, por outro lado, questionou o modelo de desenvolvimento, “que gera desigualdade, pobreza e fome, além de impactos negativos sobre a saúde e o meio-ambiente”. Durante o evento, que contou com a participação de 1.800 pessoas, foram apontadas diretrizes para integrar ações de governos e sociedade. Uma das marcas do encontro foi a diversidade de gênero, gerações, etnias, raças, culturas e opções sexuais. Algumas das propostas aprovadas pela Conferência foram: crescimento econômico com prioridades sociais; exigibilidade do direito humano à alimentação adequada, como forma de eliminar práticas assistencialistas; reforma agrária imediata e irrestrita; promoção da agricultura familiar como política estratégica; suspensão da produção de transgênicos; política energética que limite a monocultura; ampliação das ações de captação de água das chuvas para consumo humano no semi-árido; e suspensão das obras de transposição do Rio São Francisco.
www.planalto.gov.br/consea

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book Como começar uma⠀ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book 18 PASSOS essenciais para ajudar sua ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

PARCEIROS VER TODOS