Carnê-Leão

Por: Instituto Filantropia
07 Outubro 2015 - 13h10

A Receita Federal aprovou a nova versão do aplicativo para smartphones e tablets do Carnê-Leão, e os dados apurados pelo programa podem ser armazenados e transferidos para a Declaração de Ajuste Anual do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física do exercício 2016, ano-calendário 2015.

O aplicativo vai auxiliar também profissionais liberais a identificar, por meio do número no CPF, cada usuário de seus serviços.

A ferramenta poderá ser usada também pela pessoa física residente no Brasil, que tenha recebido rendimentos de outra pessoa física ou de fonte situada no exterior.

O programa ficará disponível na loja de aplicativo Google Play para tablets e smartphones, com sistema operacional Android e AppStore para equipamentos que usem o sistema operacional iOS da Apple.

www.ebc.com.br

 

PARCEIROS VER TODOS