Aviso prévio é obrigação

Por: Maria Helena Gabarra Osório, Tatiana Magosso Evangelista
01 Dezembro 2005 - 00h00
O fornecedor que rompe contrato com a empresa, sem aviso prévio, deve arcar com as obrigações assumidas, inclusive indenização prevista no acordo. Os desembargadores da 19ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul acolheram ação de cobrança, em que a fornecedora rompeu unilateralmente o acordo, sem pagar a indenização prevista de R$ 3.172. As partes só poderiam rescindir o negócio se fosse observada a antecedência mínima do aviso prévio e se a empresa que rompeu o acordo arcasse com as obrigações assumidas.
EDITAIS FILANTROPIA PLATAFORMA ÊXITOS
22.766
Oportunidades Cadastradas
9.597
Modelos de Documentos
4.060
Concedentes que Repassam Recursos
Prazo
3 Mai
2021
25º Concurso Inovação no Setor Público
Prazo
26 Abr
2021
15º Edital Funcultura Audiovisual
Prazo
Contínuo
Super Desafio COVID-19 - Startups
Prazo
21 Mai
2021
Projetos Sociais por Leis de Incentivo 2021
Prazo
14 Mai
2021
Edital de Seleção - Projetos Sociais
Prazo
11 Mai
2021
Prince Claus Seed Awards 2021
Prazo
10 Mai
2021
Para Mulheres na Ciência 2021
Prazo
Contínuo
Adobe Creative Residency Community Fund
Prazo
17 Mai
2021
PhotoContest 2021
Prazo
23 Mai
2021
9ª Convocatoria de Ayudas

PARCEIROS VER TODOS