APBP vende obras de artistas que não podem usar as mãos

Por: Revista Filantropia
01 Janeiro 2003 - 00h00
A Associação dos Pintores com a Boca e os Pés (APBP) tem providenciado, por mais de 45 anos, uma vida independente para artistas que não têm o uso de suas mãos. Todos os membros dessa sociedade internacional só pintam com a boca e os pés e têm apoio para ganhar seu próprio sustento. Eles se tornam membros-sócios, com um trabalho de padrão, que pode competir com os trabalhos de artistas convencionais. Uma vez aceitos como membros, é garantida a eles renda substancial por toda a vida, mesmo se forem incapacitados de continuar a pintar. Isso é providenciado por meio da venda de seus trabalhos em cartões, calendários e telas. Essa renda também provê bolsas para pintores com a boca ou com os pés, que primeiramente não podem atingir os padrões exigidos, para que suas habilidades possam ser desenvolvidas e encorajadas. Além disso, subvenções são feitas para equipamentos especiais e alguns tratamentos.A APBP conta com mais de 500 membros em mais de 60 países e, atualmente, há 13 pintores no Brasil.

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book Como começar uma⠀ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book 18 PASSOS essenciais para ajudar sua ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

PARCEIROS VER TODOS