11% de INSS a médicos de filantrópicas

Por: Carlos Eduardo Rédua Gonçalves, Maria Helena Gabarra Osório, Tatiana Magosso Evangelista
01 Julho 2005 - 00h00
O TRF da 4a Região assegurou ao Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) que seus filiados devem recolher a contribuição previdenciária de 11%, no caso de prestação de serviços para entidades filantrópicas. O tributo tinha sido elevado a 20%, conforme instrução normativa nº 89/03 do INSS, para compensar a imunidade da parte patronal da contribuição que beneficia as entidades filantrópicas. Para o relator do recurso no TRF, Antônio Albino Ramos de Oliveira, a alíquota maior é tão absurda quanto cobrar dos empregados de uma empresa a contribuição de que ela é dispensada.
EDITAIS FILANTROPIA PLATAFORMA ÊXITOS
15.198
Oportunidades Cadastradas
9.566
Modelos de Documentos
3.061
Concedentes que Repassam Recursos
Prazo
16 Dez
2019
Bikeducação: Edital Itaú para Seleção de Projetos...
Prazo
16 Dez
2019
ONU / FIDA - Concurso de Fotografia “Juventude e...
Prazo
Contínuo
Fundo Regenerativo Brumadinho
Prazo
22 Dez
2019
UNDEF - 2019 Call to Civil Society to Apply for Funding...
Prazo
1 Jan
2020
Fundo Julia Taft para Refugiados
Prazo
25 Jan
2020
Environmental Curricula Grants
Prazo
31 Mar
2020
United Nations Voluntary Fund on Disability
Prazo
20 Jan
2020
United Nations Voluntary Trust Fund for Victims of...
Prazo
Contínuo
Mitsubishi Corporation Foundation for the Americas
Prazo
Contínuo
Oak Foundation’s - Issues Affecting Women Programme

PARCEIROS VER TODOS