O que uma entidade beneficente da área da educação deve observar ao contratar um professor estrangeiro para ministrar aulas de determinada língua?

Por: Revista Filantropia
16 Junho 2012 - 00h00
O estrangeiro poderá exercer atividade remunerada no Brasil se obtiver autorização para tanto, através de visto temporário ou definitivo (artigos 13 até 16 da lei nº 6.815/80), ou na forma determinada pelo Conselho Nacional de Imigração. O visto temporário é destinado à contratação de artistas, desportistas, cientistas, professores, técnico ou profissional de outra categoria, ministro evangélico etc., de acordo com o decreto-lei nº 691/69. Os requisitos para contratação estão dispostos na Resolução Normativa nº 12/98 do CNI:a) O estrangeiro deve comprovar que tem formação universitária ou experiência de, pelo menos, nove anos;b) Deve comprovar que tem experiência profissional ligada às atribuições que terá no Brasil (dois anos, após a graduação, ou três, nos demais casos) por meio de cartas de referência emitidas pelos empregadores anteriores;c) Proibição de redução salarial após a designação de trabalho no Brasil (quando for transferido) – Resolução do Conselho Nacional de Imigração 7/2004, podendo ser considerada a parte paga no exterior com a parte paga no Brasil.

Conteúdo Relacionado

EDITAIS FILANTROPIA PLATAFORMA ÊXITOS
22.766
Oportunidades Cadastradas
9.597
Modelos de Documentos
4.060
Concedentes que Repassam Recursos
Prazo
3 Mai
2021
25º Concurso Inovação no Setor Público
Prazo
26 Abr
2021
15º Edital Funcultura Audiovisual
Prazo
Contínuo
Super Desafio COVID-19 - Startups
Prazo
21 Mai
2021
Projetos Sociais por Leis de Incentivo 2021
Prazo
14 Mai
2021
Edital de Seleção - Projetos Sociais
Prazo
11 Mai
2021
Prince Claus Seed Awards 2021
Prazo
10 Mai
2021
Para Mulheres na Ciência 2021
Prazo
Contínuo
Adobe Creative Residency Community Fund
Prazo
17 Mai
2021
PhotoContest 2021
Prazo
23 Mai
2021
9ª Convocatoria de Ayudas

PARCEIROS VER TODOS