Instituto Avon

Por: Elaine Iorio
01 Março 2008 - 00h00

Ao se revisitar os mais de 120 anos de história da Avon, é possível verificar que a atuação da empresa no campo social começou muito cedo, em 1955, quando foi fundada em Nova York (Estados Unidos) a Avon Foundation. Com o objetivo de tornar melhor a vida das mulheres de todo o mundo, assim como a de suas famílias, a primeira ação social da ONG foi financiar bolsas de estudos. Desde então, já aplicou milhões de dólares em ações que levam mais saúde, confiança e autonomia às mulheres.

Aberta no Brasil no final da década de 1950, a Avon Cosméticos realiza investimentos sociais pela população feminina do país desde 1994. Mas somente em 2003 é que foi criado o Instituto Avon – entidade que administra e direciona recursos arrecadados pela empresa em prol de causas voltadas para a saúde e o bem-estar da mulher brasileira por meio da mobilização de toda a sociedade: funcionários e revendedoras, entidades da sociedade civil organizada, poder público, empresariado e os próprios cidadãos.

Segundo Lírio Cipriani, diretor executivo do Instituto Avon, todo o trabalho social integra-se ao posicionamento presente na empresa desde seu surgimento: a certeza de que a força da ação conjunta, em rede, é capaz de promover grandes conquistas. “Nós conhecemos a força da mulher como promotora de mudanças, de laços solidários, de desenvolvimento. Sabemos que qualquer pessoa fortalecida, com saúde, dignidade e respeito pode ir mais longe, alçar vôo, manifestar seu potencial. E não podemos aceitar que muitas mulheres, por falta de informação ou de acesso a serviços, tenham suas potencialidades barradas.”

Principais projetos

Ao longo dos últimos anos, os projetos desenvolvidos pelo Instituto Avon mudaram os cenários da saúde da população feminina ao: instrumentalizar espaços que prestam atendimento à mulher, com a doação de mamógrafos, equipamentos de ultra-som, entre outros; tornar o exame clínico das mamas rotina nos atendimentos à mulher via Sistema Único de Saúde (SUS); possibilitar a realização da mamografia a mulheres que nunca tinham feito o exame; e, o mais importante, conscientizar a população sobre a importância da prevenção para a descoberta do câncer no início, aumentando as chances de cura.

Atualmente, a entidade atua com foco especial em dois pilares: a saúde da mulher e a questão de seus direitos e sua cidadania. “No primeiro, temos a campanha ‘Um Beijo pela Vida’e o programa ‘Saúde Integral da Mulher’. No segundo pilar, nossa grande causa é o combate à violência doméstica, que ainda hoje impossibilita o desenvolvimento de muitas mulheres”, explica o diretor executivo.

A campanha “Um Beijo pela Vida” é o atual centro das atenções da entidade, pois é a maior fonte dos recursos que financiam os sete novos projetos apoiados pelo instituto a partir deste ano. Dentre eles está a construção de um dos mais completos e modernos núcleos de prevenção e detecção precoce de câncer do Brasil no Hospital de Câncer de Barretos. É a maior verba já destinada a um único projeto em cinco anos de existência do instituto: R$ 6 milhões, que servirão para patrocinar um andar exclusivamente dedicado ao câncer de mama, com 2.500 m2 de área.

O programa “Saúde Integral da Mulher” tem como objetivo principal articular lideranças municipais na construção de políticas públicas de saúde mais eficientes para o público feminino. O trabalho já alcançou cinco cidades de São Paulo: Jandira, Carapicuíba, Osasco, Itapevi e Barueri. E, este ano o instituto já fechou parceria com as prefeituras de Várzea Paulista e Pirapora do Bom Jesus.

Cipriani conta que a questão da violência doméstica também está ganhando mais força dentro da entidade, pois é uma causa mundial da Avon. “Este ano, estamos lançando no Brasil a Pulseira da Atitude – primeiro produto global da Avon voltado para uma causa. E toda a renda que arrecadarmos no Brasil será revertida para o Fundo das Nações Unidas para a Mulher (Unifem), uma das mais importantes instituições em defesa da mulher no mundo, para investimento em projetos que combatam a violência doméstica.” Nos Estados Unidos, a Avon Foundation ainda doará 1 milhão de dólares para o Unifem.

Administração e recursos

Constituído como uma organização da sociedade civil de interesse público (Oscip), o Instituto Avon tem sua equipe formada por funcionários da empresa – especialistas responsáveis pelas atividades regulares –, além de Lírio Cipriani na direção executiva – único contratado exclusivamente para a função. Os recursos são provenientes de um orçamento anual de cerca de R$ 1,2 milhão doados pela Avon Cosméticos.

Também é fundamental a arrecadação feita pela campanha “Um Beijo pela Vida”, com a venda de produtos exclusivos por meio dos famosos folhetos distribuídos por mais de 1 milhão de revendedoras autônomas. Para se ter uma idéia, em 2007 a arrecadação chegou a R$ 3,6 milhões.

Cipriani revela que, até o momento, o Instituto Avon já disponibilizou R$ 14,1 milhões para 66 projetos apoiados em seis anos, com recursos arrecadados por meio da venda dos produtos. Para prestar conta de toda essa verba, a entidade publica anualmente o seu relatório de atividades, no qual aponta cada centavo utilizado e investido em projetos e ações, além de apresentar o parecer de uma auditoria especializada.

Segredo do sucesso

“A comunicação com nosso público é o nosso tesouro, nossa força. Temos uma rede de 1,2 milhão de revendedoras dispostas a levar informação, revender produtos que apóiam a causa, dar sua contribuição para nossas ações terem efeito na sociedade”, conta Cipriani. Isso porque são impressos em média 6,5 milhões de folhetos de ofertas a cada 19 dias, que vão para todos os cantos do país.

Além de divulgar os produtos da empresa, os folhetos levam informação sobre o câncer de mama e as campanhas realizadas pelo instituto. A prova dessa força é o “Dia do Beijo pela Vida”, mobilização nacional realizada pelas revendedoras que promove eventos em todo o Brasil, firma parcerias e contamina a sociedade com a mensagem de vida que a entidade pretende levar.

A maior conquista do instituto, segundo Lírio Cipriani, é ter beneficiado mais de 1 milhão de mulheres, que estão descobrindo a doença a tempo de curar, que perceberam que precisam cuidar da saúde e conhecer seus direitos, para ganhar mais auto-estima, autonomia e possibilidade de se desenvolverem.

“Acreditamos que poderemos, em certo momento, pensar também em ações voltadas para a educação, o empreendedorismo e toda forma de motivar o crescimento da mulher. Queremos ampliar cada vez mais este trabalho, até chegar o dia em que eles não sejam mais necessários.”

 

“Não podemos aceitar que muitas mulheres, por falta de informação ou de acesso a serviços, tenham suas potencialidades barradas”
Lírio Cipriani, diretor executivo


Números:
• 53 porta-vozes
• 6.000 funcionários
• 1,2 milhão de revendedoras
• Mais de 1 milhão de mulheres beneficiadas


Instituto Avon
Rodovia Raposo Tavares, km 20,4
Osasco/SP
CEP 06149-000
www.institutoavon.org.br
0800 708 2866

EDITAIS FILANTROPIA PLATAFORMA ÊXITOS
22.766
Oportunidades Cadastradas
9.597
Modelos de Documentos
4.060
Concedentes que Repassam Recursos
Prazo
3 Mai
2021
25º Concurso Inovação no Setor Público
Prazo
26 Abr
2021
15º Edital Funcultura Audiovisual
Prazo
Contínuo
Super Desafio COVID-19 - Startups
Prazo
21 Mai
2021
Projetos Sociais por Leis de Incentivo 2021
Prazo
14 Mai
2021
Edital de Seleção - Projetos Sociais
Prazo
11 Mai
2021
Prince Claus Seed Awards 2021
Prazo
10 Mai
2021
Para Mulheres na Ciência 2021
Prazo
Contínuo
Adobe Creative Residency Community Fund
Prazo
17 Mai
2021
PhotoContest 2021
Prazo
23 Mai
2021
9ª Convocatoria de Ayudas

PARCEIROS VER TODOS