Como fica a estabilidade da gestante em contrato de experiência?

Por: Revista Filantropia
27 Junho 2010 - 00h00
A garantia de emprego da gestante em período de experiência vai até o fim do contrato. Esse entendimento vem sendo adotado pelo próprio Tribunal Superior do Trabalho (TST) que, em demanda recente, isentou uma empresa de pagar verbas rescisórias relativas ao salário-gestante a uma empregada despedida durante o contrato de experiência, quando estava no início de uma gravidez. Assim, vê-se que a entidade deve responder apenas pelos créditos compreendidos entre a demissão da trabalhadora e o término do contrato.

Conteúdo Relacionado

EDITAIS FILANTROPIA PLATAFORMA ÊXITOS
22.766
Oportunidades Cadastradas
9.597
Modelos de Documentos
4.060
Concedentes que Repassam Recursos
Prazo
3 Mai
2021
25º Concurso Inovação no Setor Público
Prazo
26 Abr
2021
15º Edital Funcultura Audiovisual
Prazo
Contínuo
Super Desafio COVID-19 - Startups
Prazo
21 Mai
2021
Projetos Sociais por Leis de Incentivo 2021
Prazo
14 Mai
2021
Edital de Seleção - Projetos Sociais
Prazo
11 Mai
2021
Prince Claus Seed Awards 2021
Prazo
10 Mai
2021
Para Mulheres na Ciência 2021
Prazo
Contínuo
Adobe Creative Residency Community Fund
Prazo
17 Mai
2021
PhotoContest 2021
Prazo
23 Mai
2021
9ª Convocatoria de Ayudas

PARCEIROS VER TODOS