Melhor que isso, só dois disso.

Por: Marcio Zeppelini
15 Outubro 2018 - 00h18

416

Gabriel era dono de um restaurante e estava sempre de alto astral. Ele sempre tinha algo positivo para dizer. Quando alguém perguntava a ele: "Como vai você?", ele sempre respondia: "Melhor que isso, só dois disso!". Ele era naturalmente motivador. Se algum empregado estivesse tendo um mau dia, Gabriel prontamente estava lá, contando a ele como olhar pelo lado positivo da situação.

Um dia, questionaram-no sobre o "segredo" para ser positivo o tempo todo... E ele respondeu:
- Toda manhã, eu acordo e digo a mim mesmo: Gabriel, você tem duas escolhas hoje: escolher estar de alto astral ou escolher estar de baixo astral... Então, eu escolho estar de alto astral. A todo momento acontece alguma coisa desagradável, eu posso escolher ser vítima da situação ou posso escolher aprender algo com isso. Eu escolho aprender algo com isso! A vida consiste de escolhas. Quando você tira todos os detalhes e enxerga a situação, o que sobram são as escolhas, as decisões a serem tomadas. Você escolhe estar feliz ou triste, calmo ou nervoso... Em suma, é escolha sua como você vive a vida!

Alguns anos mais tarde, foi rendido em seu restaurante por três assaltantes armados. Enquanto ele tentava abrir o cofre, acabou sendo baleado. Por sorte, Gabriel foi encontrado relativamente rápido. Depois de 18 horas de cirurgia e algumas semanas de tratamento intensivo, Gabriel foi liberado do hospital.

Encontrei com Gabriel seis meses depois do acidente e perguntei:
- Como vai você?

E ele respondeu:
- Melhor do que isso, só dois disso! Quer ver minhas cicatrizes?

Enquanto eu olhava as cicatrizes, perguntei o que passou pela sua mente quando os ladrões atiraram nele.

- Quando estava baleado no chão - respondeu ele -, lembrei que tinha duas escolhas: eu podia escolher viver ou podia escolher morrer. Eu escolhi viver. Mas quando me levaram para a sala de emergência, vi as expressões no rosto dos médicos e enfermeiras. Em cada olhar, eu lia: "é um homem morto". Uma das enfermeiras me perguntou se eu era alérgico a alguma coisa... "Sim", respondi. Os médicos e enfermeiras pararam imediatamente, esperando por minha resposta. Respirei fundo e respondi: "Sou alérgico à balas de revólver". Enquanto eles sorriam, eu disse: Estou escolhendo viver. Me operem como se estivesse vivo, não morto.


Escolha estar vivo!

Não importa quais sejam os problemas que você está enfrentando neste momento, escolha estar vivo. Escolha aproveitar cada momento como experiência, como aprendizado.

Se você escolher se lamentar e ficar triste, a chance de "cura", ou seja, de resolução do problema pelo qual está passando, será menor. Quando estamos "de bem com a vida", nosso organismo libera dopamina e endorfina no cérebro, trazendo a sensação de bem-estar. Isso faz com que a parte frontal do cérebro, responsável pelo raciocínio e planejamento, seja mais bem ativada. O contrário disso é justamente a depressão.

Então, cientificamente, estar de bom astral faz com que você pense melhor e, logo, encontre melhores saídas para o problema que está vivenciando.

Escolha estar feliz. Escolha estar otimista. Escolha aprender com as situações que lhe causam medo, tristeza ou raiva.

Então, sempre que estiver diante de uma situação negativa, reflita: eu posso escolher ficar de baixo astral ou eu posso aprender com isso?

A vida é feita de escolhas!

Beijos transformadores, abraços cheios de atitude!

Marcio Zeppelini

 


A vida é feita de escolhas!
Qual é a sua?
Marcio Zeppelini

PARCEIROS VER TODOS