Tá difícil de atingir seus sonhos?

Por: Marcio Zeppelini
21 Outubro 2018 - 13h05

421


A Lição da Borboleta

Um homem, certo dia, viu surgir uma pequena abertura num casulo. Sentou-se perto do local onde o casulo se apoiava e ficou a observar o que iria acontecer, como é que a lagarta conseguiria sair por um orifício tão miúdo. Mas logo lhe pareceu que ela havia parado de fazer qualquer progresso, como se tivesse feito todo o esforço possível e agora não conseguisse mais prosseguir. Ele resolveu, então, ajudá-la: pegou uma tesoura e rompeu o restante do casulo. A borboleta pôde sair com toda a facilidade... mas seu corpo estava murcho; além disso, era pequena e tinha as asas amassadas.

O homem continuou a observá-la porque esperava que, a qualquer momento, as asas dela se abrissem e se estendessem para serem capazes de suportar o corpo que iria se firmar a tempo. Nada aconteceu! Na verdade, a borboleta passou o restante de sua vida rastejando com um corpo murcho e asas encolhidas. Nunca foi capaz de voar.

O casulo apertado e o esforço necessário à borboleta para passar através da pequena abertura eram justamente o modo pelo qual o fluido do corpo daquele pequenino inseto circulasse até suas asas, para que ela ficasse pronta para voar assim que se livrasse daquele invólucro.

Da obra "Para que minha vida se transforme" (Salette M, Ruggeri W)

O esforço é o aprendizado para o sucesso

Errar dói. Errar cansa. Tentar de novo dói ainda mais. Fracassar novamente é duplamente dolorido. Mas, não existe melhor forma de se aprender do que fazendo. E errando. E tentando de novo. E fracassando novamente.

Eu nasci com uma veia empreendedora. Aos 10 anos, revendia meus gibis para adquirir outros inéditos. Aos 14, comprava e vendia bicicletas a fim de sobrar uns trocados para equipar minha própria magrela. Aos 17, abri meu primeiro CNPJ (depois de ter pensado em umas 300 possibilidades de empresas diferentes). Aos 20 anos,  eu fali. Mal tinha saído das fraldas e já encarava uma derrota do tamanho do meu sonho.

Sem me abater, já que trabalhar nunca me deu medo, me recuperei (dinheiro e energia) em pouco menos de dois anos. Mais algum tempo de preparo depois, abri minha segunda empresa - já aos 25 - empresa esta que perdura e prospera até hoje.

A minha primeira empresa foi meu casulo. Apesar de ter tido toda sorte de ajuda - em especial de meus pais -, ninguém passou a mão em minha cabeça. Eu tive que me virar para dar a volta por cima.

Então, se você está se sentindo cansado de tentar - e de fracassar -, continue tentando, mudando estratégias e caminhos. A perseverança é um dos ingredientes mais importantes do sucesso.

Ouse. Faça diferente. Faça igual, mas com ferramentas diferentes. Faça ao contrário. Pense fora da caixa. Mas FAÇA.

JAMAIS DESISTA DE SEUS SONHOS!

Beijos +perseverantes. Abraços com +Atitude!

Marcio Zeppelini

 

A perseverança é um dos ingredientes
mais importantes do SUCESSO.
Marcio Zeppelini

PARCEIROS VER TODOS