Prêmio reconhece inovações na redução da mortalidade infantil em países em desenvolvimento

Por: Thaís Iannarelli
14 Julho 2014 - 13h31

A empresa GSK e a organização Save the Children vão premiar com até 400 mil dólares (880 mil reais) organizações que tenham desenvolvido inovações em saúde com sucesso na redução da mortalidade infantil em países em desenvolvimento. Organizações brasileiras podem enviar propostas e, no total, 1 milhão de dólares (dois milhões e duzentos mil reais, aproximadamente) serão distribuídos.
Para serem premiadas, as candidatas devem provar terem alcançado resultados tangíveis em melhorar a expectativa de vida de crianças com menos de cinco anos de vida, serem sustentáveis, escalonáveis e replicáveis. Este ano, segundo o site, verificado pela ABCR, atenção especial será dada a projetos que objetivem melhorar a qualidade de vida, ou acesso à saúde, de recém-nascidos.
As inscrições podem ser realizadas até a meia-noite do dia 25 de agosto, no horário de Londres (GMT). Por isso, recomendamos o envio das candidaturas até o dia anterior, 24, para evitar problemas.
Todas as informações estão disponíveis em http://www.gsk.com

http://www.captacao.org

PARCEIROS VER TODOS