Índios ganham centro de assistência social

Por: Revista Filantropia
01 Janeiro 2008 - 00h00
Foi inaugurado em 13 de dezembro o Centro de Referência de Assistência Social (Cras), em Dourados (MS), co-financiado pelo MDS, na Aldeia Bororó, que atenderá a cerca de mil famílias indígenas das etnias guarani-kaiowá, guarani-nhandeva e terenas. No local, serão desenvolvidos projetos de inclusão produtiva para as famílias, como artesanato e cultivo de hortas. Haverá, ainda, um núcleo do ProJovem Adolescente, além de encaminhamento aos programas sociais conforme às necessidades das famílias.
Atualmente, o MDS co-financia 3.242 Cras, presentes em 2.624 municípios, cobrindo 47% do território nacional. O Ministério tem previsão da construção de mais nove Cras em terras indígenas devidamente identificadas, com regularização atestada pela Fundação Nacional do Índio (Funai).
www.mds.gov.br

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book Como começar uma⠀ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book 18 PASSOS essenciais para ajudar sua ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

PARCEIROS VER TODOS