Depois da colheita, novos cidadãos

Por: Revista Filantropia
01 Janeiro 2007 - 00h00
Acostumados com o contato com a terra e o plantio de espécies nativas, os estudantes da escola rural Felício Bastos, em Miguel Pereira (RJ), começaram a levar para a sala de aula dúvidas surgidas em casa. Freqüentemente eles perguntavam por que o solo empobrecia, por que a safra nem sempre vingava e por que as pragas atacavam a lavoura.
As questões motivaram o projeto As sementes do futuro, criado pela diretora da escola Ana Paula Ribeiro Merino. Este é um dos 12.872 projetos certificados pelo Selo Escola Solidária, promovido bianualmente pelo Instituto Faça Parte. “Diante das perguntas dos alunos, achei importante incrementar nosso plano político-pedagógico com o projeto”, lembra a educadora. A ação surgiu em 2004 com a participação de 20 alunos da 4ª série do ensino fundamental.
As atividades começam em sala de aula, onde os estudantes esclarecem dúvidas e trabalham questões relacionadas ao meio ambiente em todas as disciplinas. Em português, reforça-se a leitura com textos sobre meio ambiente e redações sobre o tema. Em matemática, os problemas envolvem questões de agricultura, como quantas sementes são necessárias para plantar em uma área de 10 m². Em geografia, estuda-se topologia, tipos de solo, clima, desmatamento. Depois, esses conceitos são desenvolvidos na prática com o plantio de mudas na escola.
Após o projeto, os educandos passaram a se preocupar mais com o meio ambiente. Em casa o comportamento também mudou. Muitos pais afirmam que os filhos passaram a ajudá-los no cultivo das hortas familiares e passaram a ter facilidade para fazer novas amizades.

Tudo o que você precisa saber sobre Terceiro setor a UM CLIQUE de distância!

Imagine como seria maravilhoso acessar uma infinidade de informações e capacitações - SUPER ATUALIZADAS - com TUDO - eu disse TUDO! - o que você precisa saber para melhorar a gestão da sua ONG?

Imaginou? Então... esse cenário já é realidade na Rede Filantropia. Aqui você encontra materiais sobre:

Contabilidade

(certificações, prestação de contas, atendimento às normas contábeis, dentre outros)

Legislação

(remuneração de dirigentes, imunidade tributária, revisão estatutária, dentre outros)

Captação de Recursos

(principais fontes, ferramentas possíveis, geração de renda própria, dentre outros)

Voluntariado

(Gestão de voluntários, programas de voluntariado empresarial, dentre outros)

Tecnologia

(Softwares de gestão, CRM, armazenamento em nuvem, captação de recursos via internet, redes sociais, dentre outros)

RH

(Legislação trabalhista, formas de contratação em ONGs etc.)

E muito mais! Pois é... a Rede Filantropia tem tudo isso pra você, no plano de adesão PRATA!

E COMO FUNCIONA?

Isso tudo fica disponível pra você nos seguintes formatos:

  • Mais de 100 horas de videoaulas exclusivas gratuitas (faça seu login e acesse quando quiser)
  • Todo o conteúdo da Revista Filantropia enviado no formato digital, e com acesso completo no site da Rede Filantropia
  • Conteúdo on-line sem limites de acesso no www.filantropia.ong
  • Acesso a ambiente exclusivo para download de e-books e outros materiais
  • Participação mensal e gratuita nos eventos Filantropia Responde, sessões virtuais de perguntas e respostas sobre temas de gestão
  • Listagem de editais atualizada diariamente
  • Descontos especiais no FIFE (Fórum Interamericano de Filantropia Estratégica) e em eventos parceiros (Festival ABCR e Congresso Brasileiro do Terceiro Setor)

Saiba mais e faça parte da principal rede do Terceiro Setor do Brasil:

Acesse: filantropia.ong/beneficios

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book Como começar uma⠀ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book 18 PASSOS essenciais para ajudar sua ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

PARCEIROS VER TODOS