Brasil é exemplo de combate ao trabalho infantil, segundo coordenadora do Programa de Cooperação Sul-Sul da OIT

25 Março 2013 - 15h48

A coordenadora da Organização Internacional do Trabalho (OIT), Fernanda Barreto, acredita que a experiência brasileira na implementação de políticas de promoção do trabalho decente pode ajudar outros países a alavancar o combate ao trabalho infantil. “Quando um país como o Brasil apresenta a nações com características parecidas uma iniciativa que ele implementou, e tem dado resultados, a aceitação é muito positiva, porque não é uma troca de cima para baixo. Não é uma instituição dizendo que aquilo dá certo, mas um compartilhamento de igual para igual”, disse. A coordenadora da OIT lembrou que a erradicação da exploração da mão de obra de crianças e adolescentes é uma preocupação mundial, principalmente porque o ritmo de queda vem diminuindo em diversos países. O assunto será tema de uma conferência global que o Brasil sediará em outubro deste ano.

www.agenciabrasil.gov.br

PARCEIROS VER TODOS