Agenda comum em prol de crianças e adolescentes

Por: Revista Filantropia
01 Fevereiro 2006 - 00h00
Reunidos no dia 5 de abril na sede do Conselho Nacional de Assistência Social, em Brasília, conselheiros nacionais de Assistência Social e dos Direitos da Criança e Adolescente decidiram manter uma agenda comum para fortalecer os vínculos familiares e criar condições para evitar a ida ou a permanência de meninos e meninas em abrigos. Dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) apontam que cerca de 80% dos que se encontram abrigados não precisariam estar nesta situação.

PARCEIROS VER TODOS