Pesquisa vai mapear perfil de doador de classe média

A ONG Conectas, da área de defesa dos direitos humanos, e a Fundação Getulio Vargas (FGV) estão desenvolvendo uma pesquisa sobre o perfil do doador brasileiro de classe média, com informações hoje pouco conhecidas dos gestores do Terceiro Setor.

O projeto foi contemplado pelo edital Fundo BIS – primeiro fundo brasileiro destinado exclusivamente para ampliar a cultura, o volume e a qualidade das doações no país.

O financiamento advindo de doações da própria sociedade não é ainda uma das principais formas de sustentabilidade do campo das Organizações da Sociedade Civil (OSCs), majoritariamente promovido por recursos públicos, privados e da cooperação internacional.

A percepção da existência de uma lacuna de informações a respeito de um tipo de potencial doador, o brasileiro com alta faixa salarial, foi o disparador para a ação. Pesquisas existentes sobre o assunto traçam esse panorama a respeito dos pequenos ou grandes doadores, mas não contemplam esse grupo que pode ser ativado e mobilizado para doar mais.

Fonte: Gife

PARCEIROS VER TODOS