Afilie-se gratuitamente à Rede Filantropia

Receba conteúdo de gestão, agenda de eventos e notícias do Terceiro Setor

Cadastre-se gratuitamente

Faça seu LOGIN na Rede Filantropia.

Arquitetura Da Escolha

Por:
19 Outubro 2017 - 14h32

Princípios básicos capazes de auxiliar na captação de recursos

Se você pretende lançar um crowdfunding ou realizar uma campanha de doação, deve saber (ou descobrirá em breve) que um dos maiores desafios para esses casos é a captação de recursos — sejam eles materiais, humanos ou financeiros. Não raro, vemos campanhas que não conseguem alcançar seus objetivos. Entretanto, há muitas que decolam e superam as expectativas. O que existe de diferente entre elas? O que faz uma campanha ser bem-sucedida ou fracassar?

Recentes pesquisas na área de Psicologia, sobre julgamento e tomada de decisão, mostram que alguns elementos presentes no momento de uma decisão podem influenciar profundamente o resultado final. Mudanças sutis, muitas vezes inconscientes para quem está na situação, podem até multiplicar a quantidade de recursos arrecadados. É o que as ciências chamam de influências desproporcionais ou não lineares. Quando falamos de efeitos lineares, pensamos em respostas proporcionais às atitudes, como expressa na primeira Lei de Newton: "para toda ação há sempre uma reação oposta e de igual intensidade". Em contrapartida, ao falar de efeitos não lineares referimo-nos aos aumentos ou às quedas exponenciais ou na forma de gráficos em "S" (aumentos ou quedas graduais)...

PARCEIROS VER TODOS